quinta-feira, 30 de abril de 2009

Terça-feira, 14 de Abril de 2009

DEIXA-ME!



Deixa-me!
Deixa-me entrar no teu mundo
Descobrir os teus mistérios
Os teus segredos
A tua essência
Deixa-me!
Dar calor ao teu frio
Dar brilho ao teu olhar
Dar luz à tua noite
Deixa-me!
Navegar contigo nestas águas
E afogar dentro delas
As tuas mágoas
E levar-te no meu barco
Ao cais da esperança,
E do amor
Deixa-me!
Ser a fonte que mata a tua sede
O lençol que seca as tuas lágrimas
Deixa-me ser o teu mar
O teu porto de abrigo
A tua foz
Deixa-me, meu amor…
Deixa-me!

Mário Margaride

0 comentários:

Seguidores

 
TOPO
©2007 Eneida Lovely Por Templates e Acessorios